30 janeiro 2015

Mãe de MENINO !


Criar meninos é como viver diariamente com um tornado dentro de casa.


O filósofo grego Platão afirma: “Dentre todos os animais, os meninos são os mais indóceis!”

Um dos aspectos mais amedrontadores na educação de meninos, é a sua tendência em arriscar a vida sem qualquer motivo, e isso começa muito cedo! 

Uma mãe de menino precisa vigiá-lo a cada minuto para impedir que se mate. Quando cresce um pouco mais, fica atraído por tudo quanto é perigo. As mulheres tendem a pensar muito mais na possibilidade de se machucarem, os meninos não, vão aproveitar a oportunidade se acharem que o perigo compensa o risco. As meninas tem mais medo que os meninos. Elas reagem negativamente à dor e tentam não cometer duas vezes o mesmo erro. Os meninos, são mais lentos em aprender com as calamidades. 

O que faz os meninos agirem desse jeito? O que os leva a tentarem as leis da gravidade e ignorarem a voz suave do bom senso: “Não faça isso meu filho”?


Os meninos são assim por causa de sua estrutura neurológica e da influência dos hormônios que estimulam certos comportamentos negativos. Depois de intensas pesquisas, descobriu-se que os cérebros de homens e mulheres são muito diferentes! 

Sob estímulos apropriados, perceberam que os cérebros masculinos “acendiam” em áreas diferentes, então ficou claro que o cérebro de cada sexo é ligado de um modo, o que, juntamente com os fatores hormonais, justifica as atitudes comportamentais associadas com a masculinidade e feminilidade.

O feto, depois da sexta ou sétima semana de concepção, toma um “banho” de testosterona. É neste momento que o cérebro masculino começa a enfraquecer suas ligações entre os dois hemisférios. Isso explica muitos comportamentos masculinos que costumam irritar as mulheres, como a dificuldade em expressar seus sentimentos ou a capacidade de se desligar completamente do mundo exterior quando está concentrado em uma tarefa. Por isso, não critique seu filho ou marido, foi assim que Deus os fez.


Outra inundação de testosterona ocorrerá no início da puberdade, e ela será responsável em transformar o seu rapazinho em um homem.


Nesta fase surgem os pelos faciais e púbicos, voz esganiçada, espinhas no rosto, músculos maiores e dentre outras coisas, o despertar sexual. 

A maioria dos especialistas acredita que a tendência dos meninos em correr riscos, ser mais afirmativos, brigar, competir, discutir, vangloriar-se e brilhar em certas habilidades, está diretamente ligada a maneira como o cérebro é formado e a presença da testosterona. A testosterona também explica o desejo precoce dos meninos de serem o mais forte, o mais valente, o melhor atirador do grupo.


serotonina ...  (um hormônio  que ajuda o indivíduo a controlar seu comportamento impulsivo ) ... adivinhem? As mulheres possuem mais dela do que os homens.

Fora isso, temos também a amígdala, uma pequena parte do cérebro do tamanho de uma amêndoa, que funciona como um “computador emocional”

A amígdala é maior nos homens do que nas mulheres, o que ajuda a explicar por que os meninos têm mais probabilidade que as meninas de serem explosivos e se envolverem em comportamentos de risco mortal.

Podemos perceber que cada sexo tem um propósito único no grande esquema das coisas. Quando homem e mulher se juntam no casamento e se tornam uma só carne, eles complementam e suplementam um ao outro. Em geral, podemos classificar os homens como o acelerador e as mulheres o freio.


Voltando aos nossos menininhos, não podemos nos esquecer que eles são homens em treinamento. 

Sua natureza agressiva tem um propósito. Ela os prepara para os papéis de provisão e proteção que futuramente irão desempenhar. Esse temperamento faz parte do plano divino, isso não é divino? Mas precisamos compreender que este temperamento precisa ser moldado, formado e “civilizado”. 

A cultura está em guerra com a família. Mensagens nocivas e sedutoras são gritadas para eles através de filmes, desenhos, músicas, jogos e internet.

Como podemos afastar nossos filhos das muitas influências negativas que os cercam de todos os lados? Precisamos jogar na defesa, protegendo nossos filhos das seduções imorais e perigosas, mas também jogar no ataque, aproveitando os anos impressionáveis da infância, investindo todos os nossos esforços na formação do seu caráter. Nossa tarefa, será transformar esses garotinhos volúveis e imaturos, em homens honestos, atenciosos, que irão respeitar as mulheres, ser leais e fiéis no casamento, cumpridores dos deveres, líderes fortes e decididos, bons trabalhadores e seguros em sua masculinidade. Busque  apagar neles a percepção de que a maioria dos homens adultos são predadores sexuais, violentos, sem consideração pelas mulheres e consumidores desenfreados de álcool.


Sendo razoável, inteligente e completamente alertam,reduzindo a exposição dos meninos à violência, estando em casa quando voltam da escola, ajudando-os na lição de casa, acompanhando de perto o que fazem, o que assistem e com quem estão durante o dia, perguntando como foi o seu dia, deixando que chorem se necessário, dando apoio quando estão tristes, ajudando-os a ver as opções, recompensando o bom comportamento, aplicando consequências firmes e significativas ao comportamento inaceitável, fazendo exigências razoáveis, expressando expectativas morais, falando com os professores constantemente e abraçando esses rapaizinhos sempre que puder. Não peça a eles que sejam homens quando não passam de meninos, mas mostre como podem ser homens de verdade demostrando aquilo que nós, como sociedade, parecemos ter perdido: o autocontrole!


Jamais foi ouvido num leito de morte: "Gostaria de ter passado mais tempo no escritório", muito pelo contrário. Equilibrem sabiamente sua vida profissional e sua vida familiar. Deus só permite um determinado número de oportunidades com nossos filhos para ler uma história, sair para pescar, jogar bola, brincar, rir e orar juntos. Tentem não perder nenhuma delas assim como estou tentando fazer ! Esses anos com seus filhos em casa desaparecerão num segundo. Faça tudo o que for necessário para agarrar esses momentos preciosos, quer exijam mudança de emprego, morar numa casa menor ou desistir de oportunidades lucrativas e fascinantes. Nada vale a perda de seus filhos. Nada!


“Educa a criança no caminho que deve andar, e ainda quando for velho, não se desviará dele.” Pv 22:6




23 janeiro 2015

É possível engravidar tomando pílula?



OI OI meninas ! 

O post de hojpra mim e´ muito familiar, já comentei em postes passados , mas pra quem ainda não sabe, esta que vos fala engravidou do Pedro tomando pílula anticoncepcional. 

Sim, acreditem ! 
Meu organismo simplesmente se acostumou com a pilula ela perdeu total efeito de defesa  bloqueio da ovulação.

Eu quase nunca me preveni dessa forma porque nunca me adaptei bem com anticoncepcionais,  mais passei um bom tempo tomando um mais ele era bem fraco e o resultado foi bem claro : Pedro Lucas ! haha ' 

Acho que todo mundo sabe que tomei por uns anos o mesmo anticoncepcional, e meu organismo se acostumou rapidinho com ele e então chegou um tempo que pro meu organismo é como se eu não tivesse tomando mais nada --'
E o resultado foi meu lindo filho. 
Muitas mulheres tomam pílula para não engravidar e acabam se surpreendendo com uma gestação não esperada. 

Afinal, será que o anticoncepcional não previne totalmente a gravidez? 

Os anticoncepcionais orais são combinados, contêm estrogênio e progestagênio - (que tanto nome feio né ?  kkk ) enfim , eles têm a função de bloquear a ovulação e representam o método contraceptivo mais utilizado no mundo

Mas não são métodos infalíveis mesmo utilizando de forma adequada. As pílulas têm eficácia de cerca de 98%. 

O principal erro é esquecer de tomar a pílula

Nesse caso, os médicos sempre explicam, se houver esquecimento em menos de 24 horas deve-se utilizar imediatamente o comprimido, tomando a seguinte no mesmo horário regular. Após 24 horas de esquecimento, deve-se ingerir duas pílulas no horário regular e tomar o restante da cartela de maneira habitual. 

Ai se esquecer mais de dois comprimidos, ele orienta a utilização de preservativos durante sete dias, tomando as pílulas restantes de forma regular.

Além do esquecimento, há também algumas situações que podem diminuir a efetividade da pílula, se você estiver doente e com vômitos, diarreias por mais de 24 horas,dificultam a absorção do comprimido, e o uso de algumas medicações em frequência , como antibióticos, que podem alterar a ação de ambos.

Se a mulher engravidar, quando a cartela de anticoncepcionais chegar ao fim pode acontecer um sangramento de causa obstétrica, não uma menstruação. Comigo aconteceu exatamente assim.  E, quando a gravidez for descoberta, o uso da pílula deve ser imediatamente interrompido e um médico deve ser consultado.

Tomar pílula estando grávida pode fazer mal para o bebê.

Link relacionado : A Luta por um anticoncepcional.

Beeeeeeijo ;* 



22 janeiro 2015

Com quem vou deixar meu bebê? Voltando ao trabalho.


                                   Você precisa voltar a trabalhar, e agora ?




"Com quem vou deixar meu bebê? "
Qual mamãe não já pensou nisso não e?  Escolinha, avós ou babá ?

Essa é uma das decisões mais difíceis de se tomar. Se você opta pela escolinha, precisa pesquisar bastante e pedir indicações. Optar pela escolinha tem a vantagem da rápida socialização do bebê, ele logo aprenderá a dividir o seu tempo, pois a atenção das "tias" dificilmente será exclusiva para ele. Outra coisa boa, é que raramente ele estará sozinho com alguém, evitando assim qualquer problema de descuido ou maus tratos. Algumas escolas atpossuem câmeras, para que você possa ficar sempre de olho no seu pequeno.

Outra opção é a babá. Existem ótimas profissionais e será uma grande bênção se conseguir encontrar uma delas, kkkk mas a grande questão é: como confiar? A babá vai passar grande parte do dia com o seu maior tesouro, e a não ser que você tenha câmeras por todos os lados, nunca vai saber ao certo o que aconteceu no decorrer do dia. O ideal é que seja uma pessoa de extrema confiança, daquelas que você coloca a mão no fogo mesmo. Existem profissionais que receberam esse dom de Deus, amam crianças, se especializaram na área e vão cuidar do seu filho como se fosse delas, mas se houver alguma sombra de dúvidas, por menor que seja, não arrisque. 
Vemos cada coisa na televisão (e pessoalmente) que não gosto nem de pensar se fosse com meu filho.Se a sua opção for esta, procure como se precisasse encontrar uma nova mãe para o seu filho!

Agora vamos ao foco desse post : os avós!
Na maioria dos casos, eles são mais confiáveis que os próprios pais como dizem por aí, o amor que têm pelos netos são duas vezes o que tem pelos filhos. Então há problema em deixá-los com eles?
Muitos, pode acreditar ! kkk

Os avós foram feitos pra serem avós. Eles precisam curtir os netos sem a obrigação de educá-los. Foram feitos para mimar, ou seja, tudo o que não puderam fazer com os filhos.
É o papel de educador que entra em ação. Os avós não são educadores dos netos, somente uma fonte inesgotável de amor, carinho e mimo. Não é delicioso poder curtir uma vovó que te mima e faz um monte de coisas que os papais não fazem? Claro ! 
E além disso, os avós chegaram (depois de muita luta) na fase de curtir a vida sem responsabilidade com os filhos, podendo assim sair e viajar a hora que quiserem, sem se preocupar com nenhuma obrigação ou satisfação. É um momento muito especial, e não é justo que isso seja tirado deles.

Normalmente quando os netinhos chegam, os avós já não tem mais aquela energia que é tão necessária para a criação dos filhos que eles tinham há 20 anos atrás. Pedir que vovós cuidem de bebês ou crianças pequenas diariamente, apesar de ser confortável para os pais, é extremamente desgastante pra eles. E olha que eu ainda nem entrei na questão de conflitos na educação, que considero um dos problemas mais sérios. 

Começam problemas do tipo : A mamãe, não aceita que os suquinhos sejam adoçados, já a vovó não vê problema algum! Se a vovó for do tipo que cede e faz tudo do jeitinho que a mamãe pede, fica fácil. E se ela não for? Sem contar que existem aquelas que concordam tranquilamente, mas quando a mamãe sai pra trabalhar, fazem tudo diferente (conheço algumas! kkk ). Uma hora isso vem a tona... e o estrago emocional é grande.

A partir de uma certa idade, as crianças começam a fazer birras e malcriações. Na maioria das vezes, a vovó não vai poder esperar a mamãe chegar para corrigir. Como o coração da vovó é mole, ela vai deixar passar muita coisa, inclusive esconder algumas mais graves. E com o passar do tempo, os pais vão ficando frustrados, pois observam em seus filhos reações indesejáveis que foram causadas por excesso de mimo e falta de correção. E como questionar isso dos avós? Se a vovó for a sua mãe fica fácil, mas e se for a sogra? Inicia-se aí um conflito no casamento.

Assim como a escolinha ou babá, a influência que os avós terão na educação e formação do caráter de seu filho será muito grande. Se a vovó costuma dar palmadinhas escondidas da mamãe quando a criança faz arte e ainda pede pra ela não contar, isso terá alguma influência. Se quando o netinho pede doce a vovó dá e também pede para ele não contar, isso também ficará marcado. E um dia pode ser que seu filho solte: "Mamãe, porque eu não posso comer bala antes do almoço, a vovó sempre me dá!". Seu sangue vai subir e o que você poderá fazer? Simplesmente ignorar ou conversar com a vovó. Pode ser que ela aceite e pode ser que não. Ainda existe a possibilidade dela se chatear, pois no seu modo de pensar, tem feito muito mais do que sua obrigação de avó.

Já vi casos da avó pedir que o neto a chame de mãe escondido. (Comum demais e já aconteceu comigo ). Fora as que oferecem o peito para a criança mamar.Na maioria dos casos, é um outro gerador de conflitos.

Muitas mamães precisam deixar seu bebê com a vovó, pois terão que voltar ao mercado de trabalho, seja por necessidade ou opção. O ideal neste caso, é que haja uma conversa muito franca entre pais e avós, logo no início. Nesta conversa, os pais devem expor todos os métodos de educação e criação que eles desejam passar aos filhos e o que esperam dos avós quanto a isso. É interessante que a mamãe prepare uma rotina para vovó seguir, e quando o bebê estiver maior, regras e consequências para os momentos de disciplina. Se tudo for acertado antes, dificilmente terá como dar errado. 

E antes de tomar qualquer decisão, ore a Deus diariamente com seu cônjuge ou pai do seu filho ( se for separada , assim como eu)  pedindo sabedoria e orientação. Fazendo dessa maneira, tenho certeza que a decisão que for tomada será a melhor para a sua família!

                                    Adaptação na escolinha - 2 dias !
                                    O papo é : Pré- escolinha !
                                    Perfeita adaptação na escolinha.
                                   
Beijo grande Boa noite !



18 janeiro 2015

Metas para 2015.

Oi oi pessoal 
Tudo bom com vocês ?

Todo inicio de ano é a mesma coisa, fazemos planos, traçamos metas.
2014 não foi um ano muito fácil pra mim , mas nem por isso vou deixar de traçar as metas para esse lindo 2015 ( que já está sendo <3 ) kk né ? 

A minha amiga Paty do blog  Susurros Gocalita fez um post mostrando sua listinha de metas para esse fim de ano e deu um dica :
.
"A dica pra conseguir, é fazer uma lista pequena, e com coisas possíveis" 
Então vamos lá que eu também entrei na onda né ? kkk 

1° Engordar


Isso mesmo gente, em 2014 eu perdi peso gradativamente , até porque como falei , tive muita crise de gastrite esse ano passado fazendo com que eu ficasse esse sibito em que estou kkk. Então , esse no quero voltar a pelo menos meu peso 62 , já que estou apenas com 54 ;/  
O fato de não estar me alimentando bem já é motivo mais que suficiente para que eu queira ganhar massa magra !



2° Deixar o cabelo crescer.


Quem me conhece sabe que já tive cabelo grande, médio , curtinho e enorme kkk. E agora quero deixar ele crescer de novo. 
Amo mudar, acabei fazendo várias coisas nele : cortei, clariei ainda mais , só não fiz ainda  sidecut por que acho que não combina, se não, já tinha feito também kkk. 
Então decidi que quero ele grandão novamente com o passar desse ano.




3° Horário de trabalho reduzido pelo Pedro.


Essa é um meta prioritária em minha vida, que eu criei e vou fazer um post depois contando bem detalhadamente o porquê.

Quero esse ano passar mais tempo com o Pedro , das 24 horas do dia , reduzir o horário de trabalho pra poder fazer outras coisas com ele que não seja só cuidar. De preferência um emprego que me faça também poder sair com ele nos finais de semana, já que eu trabalhava a semana toda e só folgava um dia de  final de semana. Esse ano estou a busca de algo assim. 





4° Fazer  mais duas tatuagens.

Eu tenho 5 tatuagens, são todas pequenas, discretas e significativas. Na verdade, meu corpo segue uma simbologia, todo risco dele é super significativo. E pra completar o ciclo temporário ( porque nunca mais digo : essa é a última kkk) quero fazer mais uma tatuagem na perna e outra frase que significa muito pra mim e é para homenagear uma pessoa maaas ainda não sei o lugar. Só falta o dinheiro, kkkk, porque coragem eu sempre tenho kk.




5° Economizar para uma causa maior.


Aprendi mais 4 métodos para quando chegar no final de 2015 estar com um dinheirinho extra.Não andei gastando horrores em 2014 mas em contra partida não guardei dinheirinho nenhum, o que não me levou a lugar nenhum, até porque morando sozinha fica muito mais complicada a vida financeira. Fiz até um post sobre 7 dicas de economia morando sozinha !
Vi no canal da Paty os métodos e vou seguir .




6° BLOG, CANAL E MÚSICA


Vou me esforçar bastante para dar o retorno de tanto carinho a vocês. Vou escrever mais, e tentar gravar muitos vídeos , inclusive brincar um pouquinho com a voz que é algo que eu amo demais , a música fala muito comigo, então, preciso desse espaço MEU , meus HOBBIES, meu deserto.
Mesmo eu tendo um trilhão de coisas pra fazer quero da esse jeitinho sabe ? Queria um tempo pra aprender a tocar teclado também ;/





7° UNIVERSIDADE, AMIZADES 

Pretendo terminar esse bendita universidade, que sempre tranco por impossibilidade de poder estudar com tudo pela luta de termos que trabalhar pelo sustento, pelo Pedro, pelo tempo, e bla bla blá.... 
Sei que o profissional na vida de uma pessoa conta muito pro futuro dela, então, eu vou ter que me esforçar e focar pra terminar, até porque já era pra eu ter terminado á séculos, falta apenas 1 ano e meio e eu não vou ter 23 anos a vida toda né ? kkk





Beijos 


14 janeiro 2015

7 dicas de economia morando sozinha !


Oi meninas ! Boa noite. 

O post de hoje vai ser sobre algo que me perguntam muito todos os dias. 
O assunto é sobre : Dá pra economizar morando sozinha ?
Bom,  alguma dica eu posso dar .
Morar sozinha é sinal de independência e tem muitas vantagens, mas para quem acabou de entrar nessa jornada é preciso apertar o cinto e se preparar para encarar muitas despesas. Quem está começando a lidar com essa realidade precisa ter em mente que é preciso mudar algumas coisas na rotina e no comportamento. Na casa dos nossos pais raramente nos preocupamos com o preço das coisas na hora de fazer compras no supermercado, se a luz da sala ficou acesa sem ninguém por lá, enfim, gastos básicos do cotidiano, mas que nessa etapa da vida nem sempre saem do nosso bolso. 
Viver em um espaço só seu é excelente para experimentar a liberdade, além de ser uma das melhores oportunidades para buscar amadurecimento. Então, se você ainda está insegura financeiramente para lidar com essa nova realidade,  algumas dicas para te ajudar a economizar no dia a dia são :

RESERVA FINANCEIRA

Antes de se mudar para sua nova casa, é importante que você faça uma reserva financeira. Seus gastos vão aumentar consideravelmente, então é preciso que você mantenha uma grana guardada para o caso de uma emergência.Esqueça cartão de crédito e use-o somente em situações de necessidade. Enquanto você estiver se ajustando seu novo padrão de vida, o ideal é manter-se longe das dívidas.

ORGANIZE SEU ORÇAMENTO

O dinheiro do mês entrou, você pagou o aluguel, a conta do celular, a fatura do cartão de crédito, as contas da casa, comprou umas coisas que estavam faltando na sala…e não faz a menor ideia de como está o seu saldo no banco e o quanto ainda pode gastar até o fim do mês. Essa vida desorganizada acabou! É hora de assumir o controle e saber ao certo quanto entra e quanto sai todo mês.

LIVRE-SE DO QUE NÃO ESTÁ PRECISANDO

Na hora de organizar sua mudança, faça uma seleção daquilo que você não usa ou não precisa mais. Veja o que está em bom estado e venda. Nada melhor que transformar em dinheiro aquilo que só está servindo para acumular poeira na sua estante, não é mesmo?

PESQUISE ITENS USADOS

Está precisando de completar os móveis da casa nova? Que tal dar uma olhada em itens usados? É bem fácil encontrar coisas com preços justos, além disso muita gente costuma anunciar em redes sociais.

FAÇA VOCÊ MESMA

Nem pense em gastar seu dinheiro para fazer coisas que pode resolver sozinha. Pode até ser que o resultado não saia primoroso como você gostaria, mas a prioridade agora é economizar sua grana. Se a casa estiver precisando de uma pintura, tire um fim de semana para fazer isso, chame alguém para te ajudar e aproveite o momento para se divertir. Cuide da faxina da sua casa, pagar uma diarista regularmente vai acabar pesando no seu bolso neste momento de escassez de dinheiro. kkk .Explore a internet para descobrir o máximo que puder sobre pequenos reparos e cuidados com a casa, assim você pode fazer certas coisas e evitar gastar dinheiro pagando alguém para resolver o seu problema. 

CUIDE DE SEUS HÁBITOS

Como dissemos anteriormente, na casa de nossos pais costumamos a ser meio displicentes quanto a certos hábitos. Uma torneira mal fechada, uma luz esquecida acesa, aquele eletrodoméstico desnecessariamente ligado na tomada o tempo todo, banhos muito demorados, enfim…a lista é longa! É tempo de você policiar seus hábitos, afinal, todos esses excessos e esquecimentos vão pesar no seu bolso ao fim do mês. Seja mais cautelosa e observe seu cotidiano com mais cuidado para cortar os desperdícios.

Cozinhe uma vez e coma várias

Aumente as porções na hora de preparar alguma coisa .Quantas vezes você acabou jogando a sobra do jantar no lixo porque ela ficou esquecida na geladeira? Às vezes não surge a oportunidade para comer a sobra, e às vezes não dá vontade de repetir o cardápio. Em vez de guardar a sobra na geladeira, ponha direto no congelador. Ela ficará lá, guardadinha e congelada. Se você quiser comer amanhã, ótimo. Se só surgir a chance daqui a 15 dias, sem problema. 

Pessoal, acho que é isso que sei sobre economizar morando sozinha kkk. Pra não ficar um post muito grande termino por aqui  , mas depois se vocês quiserem que eu aprofunde o assunto podem falar la na page. 

Beeeeijo grande. 

02 janeiro 2015

Perfeita adaptação na escolinha.



Oi meninas ! Tudo bom com vocês ?

Ano passado passamos por algumas dificuldades de adaptação na antiga escola, eu até já comentei algo aqui e aqui e aqui também kkk. 
Várias coisas passaram pela minha cabeça. Por mais que eu soubesse que não dependia somente de mim para o sucesso da adaptação, no fundo sempre ficava uma dúvida sobre a minha postura e o reflexo dela no comportamento do Pedro.
Esse ano entrei com o pé atrás na  escolha do integral e mudança de professora , já que eu tinha me adaptado já a antiga. Fiquei meio que sem expectativas (nem positivas, nem negativas). Literalmente, paguei pra ver viu ?
No início claro que teve aquela resistência (um pouco minha também, confesso, porém sem transparecer), mas com o passar dos dias e semanas, percebi o quanto ele estava gostando do ambiente e da atuação da nova professora do pedaço kk. 

O cuidado das professoras, o parque, os amigos. O mesmo menino que ficava agarrado na minha perna ano passado , esse ano acordava já pedindo pra ir á escola.
Ao caminho da escola , ele já conta tudo que vai fazer durante o dia, e com sorriso no rosto. Ao buscá-lo ele simplesmente estar lá sentado esperando a hora da mamãe chegar e dizer :
-  Mamãe, amanhã escolinha de novo, tá bom? kkk
Tive a melhor das sensações. Sempre que levo ele á escola saio dali realizada, tranquila e com a mente descansada. Acredito que, para muitas, isso é o normal, desde o início. Mas, pra mim, pra quem teve alguma dificuldade de adaptação sabe exatamente o que eu senti.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Mãe com Salto Alto. Todos os direitos reservados.
Editado por: La Cerejinha Design.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo