26 junho 2013

Natação com o papai.

Ooooi meninas ! 

Então, alguns dias sem vir por aqui ... o aniversário de Pedro aconteceu, deu tudo muito certo e depois vai ter post sobre isso, só que eu tenho que atualizar esses postes atrasados aqui no meu rascunho kkkk. 


O post de hoje é especialmente sobre NATAÇÃO COM O PAPAI. ;)

Quem tem maridão que leva filho na natação ai ? kkk

Brincar com o bebê na água é muito gostoso nos dias quentes, e do ponto de vista da segurança também é muito bom que a criança se acostume a esse ambiente.É verdade que as crianças só conseguem nadar de verdade quando são mais velhas, por volta dos 3 anos, mas a natação para bebês é uma ótima maneira de fazer exercício e de relaxar -- para a mãe (que sempre entro ) ou o PAI também, já que nesse tipo de aula os pais entram junto com os filhos na piscina. 


Foi MUUUITO ENGRAÇADO , mesmo, a tentativa do meu marido em fazer Pedro fazer todos os exercicios , Pessoal, infelizmente não rolou nesse dia, porque meu marido brinca muito com Pedro , e ele ainda me vê como uma coisa meio que CHATA , acho que meu filho me ve assim sim, porque com o pai, ele não fazia os exercicios a não ser os de nadar em bruco, SÓ ! 







Ele brincava mais que fazia os exercicios e meu marido ia na onda sabe ... ;/;/;/;/


Bom , todo mundo acaba me perguntando o que levo quando vou fazer a aula de natação com ele, e de inicio vos falo que o ideal são as fraldas especiais para uso em piscina,  elas não são obrigatórias , a instrutora que conduz a aula não exige , só que as fraldas descartáveis comuns "incham" no contato com a água, atrapalhando os movimentos do bebê e também elas mesmo se soltam e saem do corpo do seu bebê, acho que entrar sem fralda não é muito legal por conta do  risco de seu filho fazer cocô, mais converse com os responsáveis pela piscina, quem sabe se você afirmar que não há risco dele fazer cocô ele possa entrar só de sunga ou maiô, por um período máximo de meia hora. 

Quando você for fazer aula de natação com seu filho, informe-se primeiro sobre as condições do banho -- se há ajuda para ficar com o bebê enquanto você se troca, já que você também estará molhada. Além da toalha e de uma troca de roupa limpa, pra ele eu sempre levo um roupão , uma sunga e a fralda para banho , isso são os três itens para a entrada e saída na piscina. Ai acabo levando também  uma mamadeira , um lanchinho (frutinha) e amamento ele 

depois da brincadeira na água -- natação deixa os bebês com fome! 









As academias já têm brinquedos e acessórios especificos para os bebês fazerem as aulas , vejam : 





Alguns bebês se assustam com o contato com a água, vejo muitos com medo, mais  você pode ajudar  fazendo  brincadeiras na hora do banho. Jogue água sobre o corpo dele e o coloque de bruços para "nadar", sempre com apoio. 

Não faça a estréia do bebê numa piscina muito cheia de gente. Quando entrar com o bebê na piscina pela primeira vez, mantenha o rosto dele próximo ao seu e olhe-o nos olhos. À medida que ele se tranquilize, você pode começar a movimentá-lo mais na água. ;)

Na aula de natação a professora pede pra que o bebê junto com a mamãe ou papai bata as mãozinhas e os pés na água. E também joga um brinquedo a alguma distância e faz a criança "nadar" até ele, carregando-a. 

Também ensina a criança a fazer bolhinhas na água. Esse passo é importante para que ela aprenda a não inalar a água. 

Se seu bebê já senta ela pede pra que a mamãe ou papai  coloque-o sentado na borda da piscina, com você dentro da água, e cante uma musiquinha, como "O sapo não lava o pé". Ao fim da música (no "chulé", por exemplo), "mergulha" na água e faz a  festa. 

Pede também para que agente deite o bebê de barriga para cima com a cabeça apoiada no seu ombro. Incentivando-o a bater as pernas. 

Não há perigo em afundar o rosto do bebê na água por alguns segundos. Há pesquisas que mostram que bebês novinhos não inalam a água. Mas dá uma certa aflição fazer isso pela primeira vez, eu tive muuita aflição, portanto o melhor é contar com a ajuda de um profissional de educação física, especializado. Às vezes, eles ensinam a técnica de soprar o rostinho do bebê para que eles não sejam pegos de surpresa pelo mergulho. 

Geralmente eu não  alimento o Pedro até pelo menos uma hora antes do início da atividade na piscina e em relação a  temperatura ideal da água é entre 29 e 30 graus Celsius,segundo a profissional. 

E claro não leve a criança à piscina se ela estiver resfriada ou doente. ;)


Mais como eu falei a aula com o papai foi um desastre , kkkk, ele não fez nenhum exercicio como deveria ser feito, mais ai eu tava com o celular do meu marido e consegui registrar o desastre da aulakkkk, vamos conferir ?



Esse primeiro exercicio é o NADO DE BRUCO ...




video



Esse é pega a bola ...


video

E esse é apoio com o macarrão ...


video


Não deu pra registrar todos os exercicios, até porque ele NÃO REALIZOU TODOS com o pai dele brincando o tempo todo kkkkk'. 


A ultima dica é : Se seu bebê tem problemas de pele, converse com o pediatra para saber se a piscina não vai agravar a irritação. Pergunte aos responsáveis pela piscina qual é o processo de tratamento da água que é muuuito importante porque algumas substâncias que limpam a água  pode causar irritação na pele e problemas respiratórios. 


Espero que tenham gostado , beeijos ! 

Thais Lima;)






16 junho 2013

Convite x Save The Date !

Nota : Thais Lima , 

terça-feira, 4 de junho de 2013


 O primeiro passo para a organização da festa de 1 ano da criança é a lista de convidados. O meu eu optei por familiares e amigos próximos, eu me conheço e sei que próximo ano eu vou querer fazer festa de 2 anos e o bolso chora né ? Então por esse motivo resolvi optar por essa escala de convidados pelo fato dele ser muito pequeno, e que quase não vai aproveitar a festa e etc etc que serão falados depois - haha '. 

Então o convite deve ser entregue com antecedência mínima de 1 semana como manda o padrão ,eu entreguei 15 dias antes , também é válido enviar aos convidados, via e-mail, um "Save The Date" até um mês antes de realização da festa. Tanto o "Save The Date" quanto o convite oficial devem estar de acordo com a decoração escolhida para a festa. Organizando o primeiro aniversário - AUSENTE !

Abaixo, fiz um video mostrando o convite bem simples que montei pra dá aos familiares, bem simples, mais fugi do envelope, e convidei da forma : "Save The Date"  via e-mail ;)


Vamos assistir ?





Espero que tenham gostado das dicas, beeeijos, até mais !

Thais Lima.

15 junho 2013

Jujuba, Bananada, Pipoca ♫

Por aqui novamente !

Porque ? Porque esqueci de falar sobre as GULOSEEEEEEEEEEIMAS pessoal, aquelas que são desde de sempre as principais e muito apreciadas pelas crianças, e que vão dentro das lembrancinhas personalizadas que mandei fazer.

Há os mais variados tipos de guloseimas, com os mais diversos sabores e cores e também dos mais variados preços também, kkkk. Se são elas que vão deixar a mesa da festa do meu bebê mais bonita e saborosa porque não falar sobre elas e caprichar nas escolhas? né ?;)

Nunca é demais investir em chocolates, balas recheadas, bolinhos recheados e etc. E não é muito difícil montar uma mesa de guloseimas. Basta usar a sua criatividade e colocar mãos à obra...No chá de fraldas dele eu enchi a mesa de guloseimas beeeeeem coloridas, mais dessa vez optei por personalizados então investi em guloseimas beeeem recheadas ;)

O video abaixo mostrará as guloseimas que eu comprei pra encher os personalizados do aniversário dele, que a meninada vai adorar /o\. Tenho certeza ! 
Então, essas guloseimas pessoal foram só pra encher os personalizados !
Aaah, no video também conto os valores que achei meio que na promoção, por item os valores, vamos conferir ?





Preparativos pro aniversário- Personalizados!

Oi meninas !

Quem está a vira voltas com o aniversário do seu bebê levanta a mão !

Aqui e agora as duas foram levantadas,kkkk, aiin gente preparar uma festa não é nada fácil,principalmente quando não se tem tempo ou depende de diversas aprovações,as vezes é um tal de envia email responde email, que não é brincadeira e estressa bastante,no final mostro tudo ao meu marido e juntos vamos vendo o que é legal e o que não é. Mais as decisões foram tomadas a alguns dias e resolvemos como ja foi dito aqui no blog, que a festa será da GALINHA PINTADINHA, no tema CLEAN, aquele tema de mesas brancas e  tal ...

Antes de mais nada quero informar que cheguei a cogitar valores de buffets , muitos e muitos ,há cerca de  meses atrás, e estavam na faixa de R$3000 ou R$3500 uma festa para 60 pessoas. Depois fazendo as contas eu vi que eu ia economizar um pouco mais se eu fizesse de outro jeito, não tãããão menos, porque aniversário sempre gasta né? Mais um pouco menos, coisa de quase R$1000 . 


E tipo , porque não optei por isso, porque ...não se trata sequer da questão de ter ou não dinheiro para pagar, porque mesmo que não se tenha, se pode economizar ao longo do ano, mas é que na verdade achei um valor muito alto para uma festa que ele não aproveitará muito, ele tem apenas 1 ano gente, muuuito bebe ainda, dorme quase o dia todo, então ele não vai aproveitar muito e também já que há poucas crianças, poucos coleguinhas dele ;)


Mas, primeiro aniversário é normal, querermos fazer algo diferente e tudo de melhor,pensar nos mínimos detalhes... e na minha opinião festa a gente faz pra gente e não para os outros,se formos ouvir os prováveis comentários,não sairemos dos convites. INFELIZMENTE ;/ KKK'


Então como começamos  a pensar nos detalhes com antecedência,na pesquisa decidi contratar terceiros pra fazer algumas coisas, mais que tipo, não fechar pacote de toda a festa entendeu ? Achei que saiu mais em conta , contratar pessoas diferentes para, DECORAÇÃO E SALÃO, BOLO DOCES E SALGADOS, LEMBRANCINHAS E PERSONALIZADOS e etc. Cada um na sua função , que nem aquele filme de Charlie Chapplin kkkk, mais o ideal mesmo é ir se organizando o mais rápido possível.
Então, como prometido, fiz aqui abaixo um vídeo mostrando os personalizados que terceirizei pro aniversário de um ano dele, e no proprio video onde possui o campo de anotações informei o preço da unidade de cada item e a empresa. A escolha dos itens foram opções minhas , as cores e os modelos, tudo muito básico , sem muita fitinha e tal, porque ele é menino né gente ? ai achei melhor não exagerar tanto kkkk.
Vamos aos personalizados ?



Espero que tenham gostado ! 
Beeijos, Thais Lima ;)

Veja também:Preparativos pro aniversário- Guloseimas!


12 junho 2013

Diarreia ou não ?


Oiii meninas ! 







Então, muito muito atarefada com o aniversário de Pedro, mais tô tentando pensar em outra coisa a não ser isso kkkk, e aí aconteceu que meu super heroi em dentes , PEDRO, já esta mais uma vez apresentando SINAIS, de nascimento de mais 2 , novamente ! 11 meses, quase 6 dentes, aaain *_*


E ai não pude deixar de perceber, que sempre ocorrem aparições de febre nele, e dessa vez não, dessa vez , surgiu DIARREIA ;/
Mais tipo assim, de inicio as mamães de primeira viagem sofrem um pouquinho pra poder descobrir se é realmente diarreia ou não , como eu sofri e nada como mais um post de experiências aqui né ? ;) 


Então , vamos lá ...
Ai você pergunta : Thais e como você  tratou a diarreia do Pedro ?


E eu respondo: Não sou pediatra, mais vou a consulta delas kkkkkkkk, e irei dá umas dicas a vocês porque já passei por tal experiencia né ? kkk...


... e  tratei assim a diarreia, para bebês que só mamam, mantenha a alimentação normal (peito ou leite industrializado), desde que ele esteja mamando bem  e para crianças um pouco mais velhas, além do leite materno ou do leite industrializado em pó, dê mais água do que você ja costuma dá, fiz assim com PEDRO , hidratei muito e ele super melhorou, ou também cê pode dá soluções especiais para a reidratação, como o soro caseiro



Quando o bebê é recém-nascido, é muuuuito difícil não pensar em diarreia com aqueles cocôs tão frequentes e tão molinhos, e eu lembro bem que , para isso, você vai precisar saber como é o cocô normal do seu filho, o que varia dependendo se ele mama no peito ou toma fórmula de leite em pó ;)

O cocô de bebês amamentados normalmente é amarelo, mais para o líquido, e a frequência pode chegar a cinco vezes por dia.Verdade ! Se ele mama, ele pode fazer cinco vezes cocô ao dia, e por isso surgem muitas duvidas na cabeça da mamãe se o bebê está com diarreia ou não ! É que à medida que o estômago dele enche de leite, todo o trato intestinal é estimulado, o que provoca o reflexo de defecar. 

Depois de um mês, mais ou menos, a maioria dos bebês amamentados no peito começa a fazer cocô uma ou duas vezes por dia e os  que tomam fórmula de leite podem fazer cocô só uma vez por dia e ter as fezes bem mais sólidas. 

Então, é super  normal que o intestino fique solto de vez em quando ok ? Mas, se o bebê começar a fazer um cocô malcheiroso, aguado demais ou até demais  com filamentos de muco, ou fizer cocô todas as vezes que mama depois de 1 mês de idade, apresentar febre ou parecer estar emagrecendo, provavelmente é diarreia.

É que quando o nosso bebê faz muito cocô durante o dia, e as vezes esta mole agente acha : É DIARREIA !
E não, não é bem assim ...






Sabiam que a causa mais comum de diarreia é um vírus chamado rotavírus ?
Pois é , e como TODAS SABEM já existe vacina gratuita para o rotavírus no calendário de imunização nacional. Fiquei sabendo através de dados que antes dessa  vacina, quase todas as crianças pegavam esse vírus até completar 5 anos ;(








Além das infecções virais e bacterianas, a diarreia em bebês também pode ser causada pela preparação incorreta de fórmulas de leite em pó,muuuuuuito cuidado na hora de só juntar o leite e bater com água fria ... por resfriados, pelo uso de antibiótico, por alergias ...

Mais bons hábitos de higiene ajudam a diminuir o risco de diarreia, porque os micro-organismos que a provocam muitas vezes são transmitidos da mão para a boca.

 Por isso, lave bem as mãos com água e sabonete por pelo menos 15 segundos depois de trocar fralda de cocô ou de usar o banheiro. Tô ficando neorotica em relação a isso, e lavo MESMO  kkk

E em relação a água de coco que é uma duvida que sempre surge também , ela pode ser usada em conjunto com o soro ou outras bebidas de reidratação, mas não sozinha, porque ela não possui a quantidade de sal necessária.

E nunca , NUNCA, dê remédios contra a diarreia para crianças de menos de 12 anos, ja presenciei e  os efeitos colaterais podem ser bem perigosos ;/

Para as mamães que dão o leite materno ao seu bebê, parabéns pois os bebês que mamam no peito correm menos risco de ter diarreia. Sim, sim ! O leite materno possui elementos que inibem a proliferação dos micro-organismos que causam a diarreia. 


Então  a menos que o bebê esteja vomitando, você pode continuar dando os alimentos sólidos a que ele está acostumado. Tradicionalmente segui os alimentos preferidos para os casos de diarreia aguda e dei a Pedro : banana, arroz, maçã (raspada ou cozida) e torrada. Deu super certo ! (y)

E... não se preocupe se seu filho se recusar a comer durante uma crise de diarreia. Aconteceu comigo e eu fiquei DESESPERADA  , porque mesmo que isso aconteça o  MAIS  importante é que ele tome bastante líquido para evitar a desidratação

Então meninas a  diarreia pode ser preocupante se durar mais que dois dias, ai consulte o médico. 

O maior perigo é o de desidratação mesmo , portanto busque socorro médico imediato se seu  bebê der sinais de alerta como os lábios secos, adormecimento (letargia), choro sem lágrimas, moleira funda, palidez nas mãos e nos pés, xixi muito amarelo ou em pequena quantidade, se ele se recusar a tomar líquidos, estiver com febre há mais de 24 horas,apresentar sangue nas fezes,estiver vomitando, além da diarreia, há mais de 24 horas e estiver com a barriga inchada, ai consulte o médico.

Pedro tava muito inquieto e irritado por causa da diarreia, então mimei ele  bastante e trocava a fralda assim que estava suja. É  muuuito difícil evitar que venham as assaduras, infelizmente  e elas podem incomodar mais o bebê que a diarreia em si, então ai você usa uma camada espessa de pomadas preventivas a cada troca de fralda, sempre secando bem o bumbum antes,e NÃO LIMPE COM LENÇO E SIM ÁGUA EM ABUNDANCIA  para evitá-las E EVITAR QUE MACHUQUE A PELEZINHA DELE !




Dependendo da causa da diarreia, o médico pode prescrever antibióticos. Lembre-se de jamais dar remédios contra a diarreia para seu filho, pois eles podem agravar a situação. O conselho vale também para adultos. 



Espero que tenham gostado das dicas !

BOA NOITE , Thais Lima .

09 junho 2013

Quem gosta de segunda ?


Passou tão rápido !

Nossa como passou rápido;P

Me lembro ainda dos movimentos que ele fazia dentro de mim e que saudades de quando eu o carregava na minha barriga ...

Não posso negar que depois que ele chegou a minha vida mudou muito , mais ganhei algo que dinheiro nenhum no mundo paga, MINHA VIDA ;)

Resolvi fazer um video mostrando a trajetória de todos os mesversários da bolinha , vamos assistir ?

Contamos com o trabalho da Douce Dream com seus doces divinos ;P





Confiram o video ;)




Espero que tenham gostado.

Thais Lima .


06 junho 2013

Engravidar sabendo que o marido não quer?




Oi amores. Eu fui questionada essa semana passada por mais um tema polêmico, além deste : vida de mãe!


Por que uma mulher engravida mesmo sabendo que o companheiro não quer outro filho? 

tchan tchan tchan tchan ♫ 


Olha só, me questionaram e eu me senti super desafiada a compartilhar sobre né?


Bom ... eu THAIS, Já me perguntei isso várias vezes em muitas situações em que presencio e acho que não encontro uma resposta. Porque acabo me perguntando se quem tem a palavra final sobre ter ou não o segundo filho é a mulher ou o homem !


Mas, algumas leitoras  em que converso concordaram comigo que apesar de ser uma decisão do casal, no final, é a vontade da mulher que prevalece mais . Se ela quiser, tem como acontecer, vá por mim kkkk.


Engravidar mesmo sabendo que o marido não quer é, no mínimo, uma atitude egoísta na minha opinião, é não pensar  no companheiro e muito menos no filho em que estará sendo gerado. Esse papo que -com o tempo ele vai se acostumar com a ideia - e tal, na minha opinião, é somente tapar o sol com a peneira.


O que fazer então quando você quer e ele não quer? A situação é exatamente igual a do post anterior...


Lembrando o trecho da matéria :


"Eis um problema: a paternidade, que deveria ser o momento mais feliz da vida dos casais – de acordo com tudo o que aprendemos –, na verdade nem sempre é assim."


Com a diferença que a mulher, nesse caso, tem total controle sobre engravidar ou não. Como já falei: se quisermos, engravidamos sim, super acreditem! 


Agora...SE o casamento  vai durar ou não isso vai depender unicamente do casal.

Muitas pessoas ACHAM, PENSAM OU SEI LÁ que filho salva um casamento, e isso não procede !

Sempre costumo dizer : SE SEU CASAMENTO POSSUI UNIÃO SEU FUTURO FILHO UNIRÁ MAIS, SE NÃO POSSUI UNIÃO, PIORARÁ QUANDO vier cansaço, estresse, isolamento social (vida de mãe!)


Esse negócio de engravidar pra "prender o homem" é coisa no mínimo da era do dinossauro. Nem as novelas de hoje  apostam mais nessa  estratégia da "barriga".


 Só que conversando semana passada com as leitoras, isso ainda acontece aqui e ali, é impressionante, mais essa coisa de : VOU TER UM FILHO, IREI SEGURÁ-LO, COM UM FILHO DELE ELE NÃO ME ABANDONARÁ, ELE ME AMARÁ MAIS, velho... não existe.


A expressão correta mesmo é : ISSO me dá medo. kkk


Eu mesmo já tive a oportunidade de acompanhar um caso desse modelo bem de pertinho, perto demais até . E não dá certo, filho é pra ser uma UNIÃO DO CASAL, DESEJO DO CASAL, ESCOLHA DO CASAL, afinal, é gerado PELO O CASAL.


Falar pra  ele que está tomando anticoncepcional e com medo de perdê-lo, engravidar ? A vida dos dois só vai tomar um rumo completamente diferente do que estava planejado. Um filho muda tudo, mas não faz nascer o amor onde antes não existia ,não vai acontecer . O único amor que nasce é o de MÃE PARA FILHO, E O DE PAI PARA FILHO, e não o do pai pela mãe. Você olhará pro seu bebê sabendo que o que arrastou o casamento por mais alguns anos foi o nascimento dele ?!  


Isso não é legal né? 


Acaba sendo uma coisa triste de se ver, brigas, gritos e uma falta de comprometimento imensa. Não apenas entre o casal, mas com os filhos que nascem com o objetivo de salvar o que, em primeiro lugar,  não existia.


 Lógico que o casamento não durará!


Ai vem fulano e diz que a culpa é do marido que não se dedicou à família e outro fulano diz que é da mulher que agiu com egoísmo e também não se dedicou à família. Bom, não sei de quem é a culpa, até acho que sei, mais não quero expor, mais só sei que o que aprendi é que as crianças são as que mais sofrem com tudo isso.


 Elas vieram com uma missão impossível de ser cumprida e, lógico, fracassaram... Essas crianças, literalmente, vivem de um lado para o outro, e são manipuladas de forma egoísta e cruel. Se antes era para segurar o marido, hoje é pra garantir a pensão e outros absurdos que não vale nem a pena citar. As crianças, juro, sofrem muito. Dá uma dor  vê-las no meio desse tiroteio com briga, chantagem emocional e muita ameaça as vezes ! ;/


Antes eu não acreditava que nenhuma mãe no mundo pudesse não amar os filho mais agora, com tantas coisas que ando vendo, acredito que isso é possível, é como se fosse fazer do filho um "commoditie" sabe ? - significando literalmente mercadoria !


Trazer uma criança ao mundo para lhe dar aquilo que você não conseguiu conquistar ;/

 Se o casal se ama, a decisão de ter o primeiro, o segundo ,terceiro  ou até quatro filhos precisa ser decidido entre quatro paredes, a dois.

E NÃO ESTOU AQUI DIZENDO QUE NÃO É POSSIVEL OU ERRADO CRIAR UM FILHO SEM O PAI, é outra coisa, porque o fato de uma mulher querer ter um filho por uma PRODUÇÃO INDEPENDENTE não implica nada com TER UM FILHO SEM O COMPANHEIRO QUERER. Então... por favor, não confundam ;)


Ainda  existem mulheres que engravidam para "segurar" o homem e infelizmente o desfecho da história não é legal pra as crianças nem para o casal, esperem o momento certo que FILHOS não seguram homens em suas mulheres !


Espero que tenham gostado do desabafo , kkkk.


Beeijo e boa noite !


05 junho 2013

Vida de mãe

Oii meninas ! 

Quando respondi a Tag: Vida de mãe, que me enviaram, eu olhando umas matérias sobre esse tema, achei algo bem interessante em uma revista ( ÉPOCA) com uma matéria : Ter filhos traz mesmo felicidade ?  que gerou além de uma polêmica entre outras pessoas, também gerou em minha cabeça, porque se vocês observarem bem um trecho que tem lá  matéria ele diz assim :



TRECHO DA MATÉRIA : 


 Eis um problema: a paternidade, que deveria ser o momento mais feliz da vida dos casais – de acordo com tudo o que aprendemos –, na verdade nem sempre é assim. Ou, melhor dizendo, não é nada disso. Para boa parte dos pais e (sobretudo) das mães, filhos pequenos são sinônimo de cansaço, estresse, isolamento social e – não tenhamos medo das palavras – um certo grau de infelicidade. Ninguém fala disso abertamente. É feio. As pessoas têm medo de se queixar e parecer desnaturadas. O máximo que se ouve são referências ambíguas e cheias de altruísmo aos percalços da maternidade, como no chavão: “Ser mãe é padecer no Paraíso”. Muitas que passaram pelo padecimento não se lembram de ter visto o Paraíso e, mesmo assim, realimentam a mística. Costumam falar apenas do amor incondicional que nasce com os filhos e das alegrias únicas que se podem extrair do convívio com eles. A depressão, as rachaduras na intimidade do casal, as dificuldades com a carreira e o dinheiro curto – disso não se fala fora do círculo mais íntimo e, mesmo nele, se fala com cuidado. É tabu expor a própria tristeza numa situação que deveria ser idílica. 


Essa matéria é muito interessante, tem vários pontos interessantes mesmo e que são sim, alguns até reais, especificarei os que são reais em minha concepção.


 Mas o que não concordo é em uma coisa que me chamou muito a atenção: a palavra “infelicidade”, tá sendo posta várias vezes no texto, e em um texto que fala de filhos.


Pra  mim, ter filhos é  uma causa que você abraça, um estilo de vida que cada casal quer e mesmo que se não planeje cada casal leva do seu jeito e fica feliz por isso, porque filho é felicidade. É verdade que existe sim muita frustração, muito cansaço, muita angústia, muito medo, muita culpa, gastos e gastos … aquela vida (social, sexual que eu sempre falo nos videos …) que você tinha e que some , realmente muda rapidinho. Taí onde concordo com o texto. Isso é fato, porque mãe é renuncia , é de fato uma dedicação total. 


Mas, pelo menos na minha vida materna, “infelicidade” é uma coisa que não existe.E que se em algum momento, pelo menos comigo, eu pensasse nisso eu acho que eu ia me sentir super culpada,porque, olha só ...todos os outros sentimentos  já existiram nesse coraçãozinho aqui meninas, aqueles de cansaço, de medo, de frustração e tal , mais infelicidade ? JAMAIS


Nunca me senti “infeliz” em ser mãe.


Lembro que antes de me casar, algumas pessoas diziam “não faça isso!”  "não case" ou “pois é, tem gente que quer sair e tem gente que quer entrar”.  E quando anunciei que tava grávida do Pedro, o mesmo eu ouvi quando falei que estaria esperando um filho... Ou seja, as pessoas nos alertam sim, de maneira muito negativa e subjetiva, é verdade, mas alertam. 
E de verdade, não chegaram a me dizer com todas as letras assim : Thais, olha...é o seguinte. Essa sua vida sossegada, egoísta, livre, vai acabar quando você tiver filhos. Não disseram, mais é coisa que sim, acontece, e as outras pessoas não lhe dizem porque sabe que não vai adiantar muito e ser mãe é muito, mas muito mais difícil do que você pode imaginar, pode acreditar, eu to aqui pra dizer isso a vocês.
 E se talvez tivessem me falado sobre esses sentimentos ambíguos que temos durante toda a jornada da maternidade eu teria enfrentado as coisas de forma diferente, talvez eu estivesse mais preparada pra não chorar quando as coisas apertassem, embora eu ache, e todo mundo do meu lado também, que agarrei essa causa com classe e dedicação. Todo mundo só fala em troca de fraldas, dá banho, falta de sono, só ... só ! 
Me perguntam hoje como é ser mãe, e eu conto sim  os dois lados da moeda, o bom e o ruim.E acho que assim que tem que ser dito mesmo. Pra não enganar ninguém ... Mais infelicidade não, isso eu não senti , isso não é sentimento qualificado a uma criança, Pedro pra mim e pra toda minha familia só trouxe felicidade sempre, até nos momentos mais de perrengue. A matéria diz que deixamos de falar a verdade, que nos sentimos “infelizes”, por vergonha. 
Não concordo ! Do mesmo que não tenho vergonha de dizer que é cansativo , é dedicação, é renuncia, e você precisa ta preparada pra isso ! Mais que todos esses turbilhões de sentimentos só lhe trarão ainda mais felicidade por ter conseguido alcançar tudo da maneira que tem que ser . Costumo sempre dizer : Sou a melhor mãe que possa ser, e sou feliz por isso ! 
No fundo, bem no fundo, todo mundo sabe que ser pai e ser mãe , principalmente mãe, é punk e que tem horas que temos vontade de largar tudo que estamos na hora , tirar a roupa e sair corrento até o  México kkkk e não há nada de vergonhoso em admitir isso não pessoal.Porque depois de todo esse sentimento , você tá ali, cuidando dele e se dedicando de novo... vergonhoso seria se você o abandona-se , ou o maltrata-se. ;)
Abaixo, respondi a tag : vida de mãe, 7 perguntinhas sobre maternidade, vamos conferir ?



Espero que tenham gostado ! 
Beeijos , Thais Lima ;)



04 junho 2013

Organizando o primeiro aniversário - AUSENTE !

AIIN MENINAS ! 

Tá chegando a hora ... peço perdão pela a ausência de post esses ultimos dias e também não consegui abordar nenhum tema , embora estejam uns mil acumulados aqui na minha cabeça...Mais é que , ta chegando o dia do primeiro aniversário de Pedro fora da barriga ! 


Certo que ele já teve 11 mesversários, mais digo ANIVERSÁRIO, UM ANO sabe ? Aquele momento de SUPER REALIZAÇÃO pra os pais ? Pois é , esse momento ta em cima já, e eu to super atarefada com os preparativos do aniversário dele , resolvendo as ultimas coisas, fechando outras , substituindo outras ( não façam isso em 20 dias antes da festa do seu filho kkk), e claro, em breve terão muitos videos e dicas sobre tudo que eu to passando ;)


Jesus ... embora eu possa não acreditar e sinta que passou muito depressa, o meu lindo Pedro  a comemorar o seu 1º aniversário e, como é um marco importantíssimo na vida de toda a família, esses 12 meses de vida têm de ser celebrados com pompa e circunstância! 


Então já que estou desculpada, espero ...posso adiantar 3 dicas básicas a vocês sobre isso ...


 O primeiro passo para a organização da festa de 1 ano da criança é a lista de convidados. O meu eu optei por familiares e amigos próximos, eu me conheço e sei que próximo ano eu vou querer fazer festa de 2 anos e o bolso chora né ? Então por esse motivo resolvi optar por essa escala de convidados pelo fato dele ser muito pequeno, e que quase não vai aproveitar a festa e etc etc que serão falados depois - haha '. 

Então o convite deve ser entregue com antecedência mínima de 1 semana como manda o padrão mais eu ainda não entreguei , e acho que entregarei 15 dias antes , também é válido enviar aos convidados, via e-mail, um "Save The Date" até um mês antes de realização da festa. Tanto o "Save The Date" quanto o convite oficial devem estar de acordo com a decoração escolhida para a festa.

A temática da festa deve ser de acordo com a idade do aniversariante. Considerando ser o primeiro ano de vida da criança, o ideal é optar por cores e decoração leve. Temas como ursinhos, palhaços, parquinhos, bichos e circo são ideais para esta faixa etária. O do Pedro eu escolhi, nada mais , nada menos que .... GALINHA PINTADINHA ! 


aah gente , é a paixão dele ♥



Dica 2 : Uma mesa de guloseimas deve ser posta próxima à mesa do bolo. Invista em balas, pirulitos, bala delícia, chocolates, bombom, pipocas em saquinhos, amendoim caramelizado, personalizados ,lembrancinhas, E TUDO ISSO TA SENDO MEU CARMA ---' kkk
Dica 3 : Tendo em vista ser uma comemoração para crianças, a festa deve ocorrer no horário da tarde, preferencialmente a partir das 14h, com duração máxima até 3 horas de festa porque gente , um bebê de 1 ano , PELO MENOS PEDRO , dorme e se abusa muito rápido, então , que graça tem festa sem aniversariante ? EU NÃO ACHO GRAÇA ;/;/. A partir deste horário, as crianças e principalmente o aniversariante já estão cansadas e pedindo unicamente uma boa hora de sono. 
O cardápio para os adultos deve ser composto por salgadinhos diversos.. Se tiver grande número de convidados com idade inferior a 3 anos, adquira papinhas salgadas e doces para estes. 
A decoração da mesa do bolo é a mais admirada de toda a festa. O ideal é evitar excessos: deixe o bolo ao centro da mesa, circundado por porções de docinhos, cupcakes e enfeites.

Bom mamães, é isso!
 Sintam-se a vontade para me perguntar mais alguma coisa, pedir indicação de fornecedores, especificar mais um item embora eu vá falar de tudo assim daqui a alguns dias, é que realmente eu to sumida por conta de todos esses preparativos … afinal, são tantos detalhes que acabo de me esquecendo que tenho outras coisas na vida kkkk 
Um grande beijooo, super ansiosa!
Thais Lima 



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Mãe com Salto Alto. Todos os direitos reservados.
Editado por: La Cerejinha Design.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo