14 janeiro 2016

Dicas para viver em harmonia - Padrastos e madrastas.

Não apagar o passado. Obrigar o marido ou a mulher a ignorar ou tratar mal, ou a não falar com o ou a EX   – especialmente quando há filhos no meio – é um grande erro. Deve-se tratar do assunto com delicadeza, mas sem receio.



Evitar comentários maldosos. Não se deve falar mal do pai ou da mãe do enteado na frente dele. A tendência da criança é ser fiel aos pais. Isso a coloca contra o padrasto ou a madrasta. É o começo da maioria dos conflitos.
Tratar o ciúme com leveza. Em vez de se afastar ao ver o cônjuge brincar com o enteado, é melhor juntar-se à brincadeira. Vai relaxar o ambiente.
Impor-se com diplomacia. Ao ouvir a célebre frase “Você não é minha mãe!”, não se deve responder no mesmo tom. “Diga que você não é a mãe, mas é alguém que se preocupa com ele. Depois, pode-se relatar o que ocorreu ao pai da criança e pedir que ele converse com o filho.
Criar regras claras. Crianças devem saber que na casa do pai é de um jeito e na da mãe pode ser de outro.
Delimitar os espaços. O enteado deve respeitar o que é do padrasto ou da madrasta. Mesmo que seja uma criança pequena, cabe ao pai ou à mãe ensiná-la sobre a privacidade.
Não engolir sapos. É um comportamento dos mais nocivos. Conflitos devem ser discutidos.
Tratar todos com igualdade. Tudo varia de acordo com a idade, mas abrir exceções e criar privilégios em casa cria confusão e incita a briga entre irmãos e meios-irmãos.
A resolução dos problemas da nova família passa pelos mesmos da família tradicional. É preciso tolerância para lidar com as diferenças, bom humor para enfrentar as dificuldades e controlo das próprias fantasias e inseguranças.
Os pais devem ter muito cuidado para não usar os filhos como armas uns contra os outros e precisam sentir a responsabilidade no que toca aos melhores interesses da criança, criando com esta laços familiares adequados ao seu crescimento e à sua formação. Só assim os filhos poderão crescer e se formar como adultos dentro de uma parentalidade normal.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Mãe com Salto Alto. Todos os direitos reservados.
Editado por: La Cerejinha Design.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo