03 maio 2015

13 dicas para economizar.

Oi Oi pessoal !

Se você não conseguiu equilibrar suas finanças ano passado, prepare-se para se organizar esse ano, assim como eu!

Não é fácil fazer o dinheiro durar até o fim do mês com todos os imprevistos que sempre aparecem quando existem crianças na família, mas é possível vencer este desafio fazendo algumas permutas e alterações nos planos cotidianos.
A solução é planejar e incluir a criança em todas as situações que envolvam dinheiro e compreensão.

Preparei um guia que estou seguindo com dicas importantes (e aplicáveis) para você se organizar e economizar.


1) Faça um diário financeiro
Para aprender a poupar, é necessário identificar onde você gasta a mais. Por isso, a solução é preparar um planejamento. Anote quanto você ganha, as dívidas que tem que pagar (como água, luz, mensalidade da escola, compras no mercado e prestações) e a quantia que você pretende guardar, se esse é o objetivo. Em seguida, anote todas as despesas que tiver durante o mês, mesmo aquelas pequenas, como as da padaria. No fim do mês, analise o diário para descobrir por onde o dinheiro está escapando e como você pode economizar.
2) Aceite que é necessário fazer escolhas
Quando a situação aperta, a família tem de entender que é preciso optar entre programas e compras. Por exemplo: ou vocês vão no shopping, ou compram aquela megapista de carrinhos. Esse é o primeiro passo para facilitar a economia.
3) Aproveite os programas gratuitos
Algumas vezes existem opções ótimas! Há sempre peças de teatro, gincanas, aulas de artesanato, contação de histórias em livrarias. Uma ótima sugestão é trocar o cinema por um passeio em um parque público com direito a piquenique! Faça lanches, sucos e bolos em casa, e estenda a toalha xadrez sobre a grama. As crianças vão adorar! Ou... Que tal planejar uma tarde em casa e convidar os colegas do seu filho para fazer uma receita, assistir a um filme ou montar uma peça de teatro? Basta um pouquinho de criatividade, paciência e organização.

4) Escreva uma lista de compras
Nem todo mundo faz, eu não fazia , agora vi que funciona e farei para sempre: antes de ir ao supermercado, anote o que está faltando na despensa para não se perder entre as tentações das prateleiras.
5) Faça compras semanais
Quando você faz compras para um longo período tende a exagerar na quantidade. Resultado: mais gastos e mais desperdício! Planeje as compras a cada semana. Dessa forma, você prevê as suas necessidades e não exagera!
6) Não jogue comida fora
Aproveite as sobras dos alimentos: com feijão, faça sopa; com arroz, carne assada ou o que sobrou prepare bolinhos. As frutas maduras demais viram compotas, geleias e recheios para bolo.
7) Combine parcerias no supermercado
Quando estiver preparando a lista de compras, chame seu filho e explique que ele será responsável pelos sabonetes, por exemplo – escolha produtos para desviar o foco dos salgadinhos e guloseimas. O Pedro e pequeno e ja faco isso com ele, dá super certo !  Escreva quantos precisam e, no supermercado, peça para ele pegar. Ao se sentir responsável, ele não vai pedir bolacha nem fazer escândalo pelos corredores.
8) Negocie com seu filho (a) 
Converse com a criança e explique que ela poderá escolher apenas um produto. Pode ser um chocolate, um pacote de biscoito ou uma guloseima. Mas será apenas um, sem discussão.
9) Conheça as marcas próprias
Algumas pessoas nem prestam atenção, mas as grandes redes de supermercado possuem produtos de marca própria que custam até 60% mais baratos do que os outros. Pode confiar: o fabricante, muitas vezes, é o mesmo dos produtos mais famosos – e caros.
10) Calcule as promoções
Fique atenta às promoções “leve 3 e pague 2” e aos produtos em pacotes maiores. Tenha uma calculadora sempre à mão para conferir se vale a pena. Por exemplo, se 1 kg do sabão em pó mais barato custa R$ 3,95 e o de 3 kg, R$ 7,89 – ou seja, R$ 2,63 por quilo – vale a pena escolher o maior.
11) Aproveite feiras e sacolões
Outra dica que vale para sempre: frutas, verduras e legumes costumam ser mais baratos e mais fresquinhos nas feiras e sacolões de bairros do que nos supermercados.
12) Cuidado com as prateleiras
Antes de escolher um produto, dê uma boa olhada em toda a seção. Aqueles que ficam na linha dos olhos costumam ser mais caros. Por isso, não tenha preguiça de abaixar ou ficar na ponta dos pés para conferir outros preços.
13) Faça trocas
Combine com os pais dos amigos da escola e promova permutas de brinquedos e livros infantis em bom estado. É uma maneira simples de economizar e renovar as brincadeiras.

Gostaram das dicas ? Comigo funcionou muito !


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Mãe com Salto Alto. Todos os direitos reservados.
Editado por: La Cerejinha Design.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo